16 de mai de 2011

Gigante pela própria natureza..



A suas margens Teu povo
ao sol brilha em liberdade
como raios no céu de nossa Pátria
Tenho tanto para falar deste meu País,
este que em berço esplêndido eu nasci,
terra adorada, entre outras mil, és Tu Brasil
ó minha Pátria amada,
em campos e bosques andei
seus seios e amores ó amada
a clava forte da justiça
veras que eu Teu filho não fujo a luta
te adorando a própria morte não temo

R.M.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo seu comentário!